10 ingredientes a evitar nos cosméticos durante a gravidez (e sempre)!

Sessão de Saúde Natural Feminina com Rita Rosa: online e no horário da tua conveniência!

Assim que sabemos que estamos grávidos, pai e mãe começam a preparar as listas de tudo o que precisam para garantir que nada falta aquando da chegada do novo membro.

Começa assim o foco na saúde da mãe e consequentemente no bebé. Há um cuidado e procura por hábitos de vida mais saudáveis, desde o que se come ao exercício que se faz. Procuramos alimentos biológicos, evitamos o contacto com detergentes mais agressivos e tentamos passar mais tempo ao ar livre e rodeados de pessoas que nos fazem sentir bem.

Acima de tudo, procuramos uma gestação livre de toxinas e aqui, não entram só as pessoas, os alimentos ou a qualidade do ar que respiramos.

A nossa pele, sendo o maior órgão do corpo, também se alimenta e respira de tudo o que a rodeia.

Assim, é igualmente importante, ter atenção a tudo o que colocamos na nossa pele. É imprescindível procurar ler os rótulos dos cosméticos que usamos e evitar todos os ingredientes que possam ser tóxicos pois para além da nossa pele, o bebé também irá sofrer as consequências.

Antes de mencionarmos alguns dos ingredientes a evitar, alertamos para a quantidade e qualidade dos mesmos. Desde o champô, ao desodorizante, até à pasta de dentes, maquilhagem ou creme de corpo.

Devemos, assim, procurar fazer ou comprar produtos com poucos ingredientes e provenientes de agricultura biológica pois as toxinas estão também no cultivo e processamento (fabrico, acondicionamento e embalagem) dos artigos.

Que ingredientes deves evitar nos teus cosméticos?

Ingredientes a evitar nos cosméticos:

  • F-talatos
  • Parabenos
  • Sodium Laureth Sulphate ou SLES
  • Derivados do petróleo como Óleo mineral, Parafina ou Petrolatrum
  • Ácido Láctico
  • Sorbato de Potássio
  • Benzoato de Sódio
  • Cloreto de Alumínio
  • Propilenoglicol
  • Triclosan

Para além destes ingredientes também não estão indicados, durante a gravidez, o uso de perfumes com fragrâncias muito fortes, protetores solares comuns, cremes anti-rugas com retinol, as descolorações e alisamentos de cabelo, os tratamentos a laser e adelgaçantes com cafeína.

Existem muitos outros tratamentos e substâncias a ter em conta e nada como pedirmos ajuda aos profissionais de saúde ou colocarmos os cosméticos que já temos na plataforma www.ewg.org para verificar se são adequados ou não.

Que produtos usar na gravidez?

Ainda não selecionaste os produtos que irás utilizar ao longo da gravidez? Nesse caso, sugerimos-te que escolhas opções naturais, certificadas como biológicas e adequadas às necessidades especificas da tua pele nesta fase.

Caso prefiras, em alternativa aos cremes ou óleos hidratantes com composições já pré-feitas, podes sempre optar por óleos simples e muito hidratantes como a rosa mosqueta, manteiga de Karité, óleo de amêndoas doces ou óleo de côco.

Existem, ainda, muitos especialistas que recomendam que comecemos a utilizar logo na gravidez os cosméticos que escolhemos para o nosso bebé, desta forma reduzimos a probabilidade de desencadearem alguma reação alérgica.

Se te estás a aventurar nas receitas naturais e caseiras sugerimos uma receita de máscara facial hidratante rica em vitamina C e B12 com banana e óleo de amêndoas doces. Esta máscara ajudará a aumentar a elasticidade e hidratação da tua pele:

  • Esmaga uma banana numa taça até formar uma pasta.
  • Acrescenta 3 gotas de óleo de amêndoas doces e mistura bem.
  • Aplica no rosto previamente limpo e seco.
  • Deixa repousar por 15 minutos.
  • Lava com água e já está!

Queres saber mais sobre uma saúde e quotidiano mais natural, sem precisares de sair de casa?

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *